28/4/2010 – Ministro manda cortar o ponto de grevistas do MTE

Paulo Bernardo manda cortar o ponto de grevistas do MTE

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, mandou cortar o ponto dos servidores do Ministério do Trabalho em greve desde o início de abril. Segundo o comando de greve não houve nenhum critério para comandar o corte. “num mesmo local de trabalho, alguns tiveram o desconto e outros não, mesmo com todos em greve”.

A estratégia agora visa intensificar a mobilização em Brasília para buscar novos apoios e tentar dialogar com o governo. As assessorias jurídicas da Fenasps e da Condsef já estudam a possibilidade de ação na justiça federal com pedido de liminar para impedir o corte de ponto. Mesmo em greve a assessoria do ministro do Trabalho, Carlos Lupi comunicou que não há nada para declarar, seguindo a orientação do governo que até sexta, dia 23 não reconhecia a greve no país . Está prevista para o próximo dia 28 uma reunião em Brasília entre o comando de greve e o ministério do Planejamento. No Brasil, ao todo, 16 estados mais o Distrito federal aderiram parcialmente à greve que reivindica novo plano de carreira, jornada de 6 horas e contratação imediata de mais servidores para realizar atendimento à população.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *