29/1/2010 – CNTSS/CUT defende direitos dos servidores

CNTSS/CUT defende direitos dos servidores em diversas reuniões com o governo

O mês de fevereiro começa com uma série de reuniões e negociações entre o governo e a CNTSS/CUT para discutir as pendências das negociações de 2009 e as questões de interesse dos servidores dos Ministérios da Saúde (MS) e Previdência Social.

O calendário de atividades tem início entre os dias 2 e 4 de fevereiro, em Brasília, quando será realizada reunião do Comitê Gestor Nacional de Avaliação do INSS. Em pauta, a discussão sobre o segundo ciclo de avaliação individual e institucional do órgão, as mudanças na Instrução Normativa 38, que trata sobre a política de avaliação de desempenho e o impacto do novo plano de ação e metas do INSS para 2010 na avaliação de desempenho.

Pernambuco estará representado nesta reunião com a participação do secretário geral do Sindsprev-PE e dirigente da CNTSS, Irineu Messias, e o representante da CNTSS, na qualidade de suplente, Maurício Lima, no Comitê Gestor Nacional de Avaliação.

Na próxima quarta-feira, dia 3/02, haverá reunião do Grupo de Trabalho (GT) da Carreira da Previdência, da Saúde e do Trabalho (CPST), na Secretaria de RH do Ministério do Planejamento. No encontro, será iniciado o debate sobre a reestruturação da CPST. Entre os dias 4 e 6/02, será realizada reunião do secretariado da CNTSS, em Brasília, quando estarão em pauta as estratégias e mobilizações para tornar vitoriosas as reivindicações dos servidores do INSS, MS e Anvisa.

Além disso, nossos representantes sindicais vão cobrar solução para os problemas enfrentados pelas novas assistentes sociais do INSS, como a falta de pagamento da GDASS proporcional e o desvio de função.

Revisão da Tabela Salarial
A CNTSS/CUT enviou oficio para o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, reivindicando a instalação imediata de um processo de negociação para revisão da tabela salarial dos servidores dos Ministérios da Saúde e da Previdência que integram a Carreira da Previdência, da Saúde e do Trabalho, cujo salário é o segundo pior da administração pública federal.

A reivindicação diz respeito à negociação ocorrida no dia 22 de dezembro, em que o ministro se comprometeu a deflagrar um processo de negociação já em janeiro deste ano para efetuar a revisão da tabela salarial. Este encontro contou com a presença do dirigente da CNTSS e secretário geral do Sindsprev-PE, Irineu Messias.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *