6/4/2010 – Câmara paga R$ 390 mil extras

Câmara paga R$ 390 mil extras durante recesso parlamentar

da Folha Online
A Câmara voltou a pagar hora extra para servidores em janeiro, mês de férias dos deputados, quando foram gastos cerca de R$ 390 mil com funcionários que teriam trabalhado além do horário de expediente no mês de recesso, informa reportagem de Maria Clara Cabral e Andreza Matais, publicada nesta segunda-feira pela Folha.

Segundo a reportagem, a maioria dos servidores da Câmara cumpre jornada diária de sete horas. Ou seja, segundo a Casa, os funcionários trabalharam além dessa carga horária no período, mesmo sem atividade parlamentar.

A assessoria da Câmara informou que o valor foi pago ao pessoal do Departamento Médico e da Polícia Legislativa, que “trabalha 24 horas”. O departamento médico disse, contudo, que à noite apenas um médico cumpre expediente e já recebe adicional noturno por isso.

O Senado tem os mesmos serviços, mas não pagou hora extra em janeiro. Após a Folha revelar que a Casa pagou R$ 6,2 milhões de benefício em janeiro de 2009 para 3.883 servidores, uma norma foi baixada proibindo esse tipo de despesa no recesso –em janeiro e julho. O pagamento de hora extra pelo Senado em 2009 é alvo de investigação do Ministério Público Federal do Distrito Federal.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *