Inflação já dá sinais de queda, aponta DIEESE

O ICV de abril é menor do que o de março

Escrito por: Blog do Artur Henrique

O DIEESE divulgou na tarde desta quinta o Índice do Custo de Vida (ICV) de abril e mostra que a inflação, pelo mesmo ICV, caiu 0,11% em abril, na comparação com março – de 0,91% para 0,80%.

Um sinal importante nesse cenário em que o mercado financeiro, com eco na mídia e em setores do governo, espalha o temor de explosão inflacionária e tenta obstruir as campanhas salariais do segundo semestre, com o argumento que aumentos reais vão pressionar a inflação.

Outro dado que se destaca no ICV de abril é que os maiores fatores de pressão inflacionária em abril se encontraram no chamado “estrato 3?, ou seja, no consumo das famílias que ganham em média R$ 2.792,90. O índice nesse estrato de renda cresceu 0,87% – provavelmente pela pressão dos combustíveis.

Já no “estrato 1?, de familias com renda média de R$ 377,49, o índice inflacionário foi de 0,56% em abril.

Isso deixa claro que os fatores de pressão inflacionária estão mais altos para as parcelas que ganham mais, pois consomem produtos diferentes – mais caros, mais sofisticados – que os consumidos pelas famílias que ganham menos.

É de se supor que, nos andares mais acima do chamado “estrato 3?, esse fenômeno se acentue.

Porém, as medidas de controle de inflação são lineares, impondo sacrifícios maiores para aquelas pessoas que são as menos responsáveis pela pressão inflacionária. Injusto, não?

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *