Venezuela condena publicação de falsa foto de Chávez pelo “El País”

Escrito porMarina Terra, do OperaMundi

 “Falsa e grotesca.” Foi dessa forma que o ministro da Comunicação venezuelano, Ernesto Villegas, qualificou uma foto publicada hoje (24) pelo jornal espanhol El País. A imagem, de um homem entubado em uma cama de hospital, foi vendida aos leitores do diário como sendo o presidente Hugo Chávez.

Por meio de sua conta no Twitter (@VillegasPoljakE), Villegas desmentiu o El País: “Tão grotesca como falsa a foto de ‘Chávez entubado’ que hoje publica na primeira página o venerado diário El País da Espanha”, escreveu.

Inicialmente, o jornal informou que a imagem havia sido registrada “há poucos dias” pela agência de notícias Gtres Online e que “não pôde verificar de forma independente as circunstâncias em que foi tirada, tampouco o momento preciso e o lugar”. O jornalista espanhol Moises Naim chegou a anunciar por meio de sua conta no Twitter: “preparem-se para uma extraordinária foto exclusiva na web do El País em breve”. Horas depois, o periódico publicou nota se retratando.

“O El País retirou de sua página na internet a foto que mostrava um homem entubado em uma cama de hospital e que uma agência de notícias havia fornecido ao jornal, afirmando que se tratava de Hugo Chávez, presidente da Venezuela. El País pede desculpas a seus leitores pelo dano causado”, informa o comunicado. Não houve, porém, qualquer pedido de desculpas ao presidente ou à família dele.

Villegas informou que a imagem foi capturada de um vídeo hospedado no YouTube, datado de 2008, denominado “Intubação de acromegalia AMVAD”. “Deste vídeo vem a falsa ‘foto de Chávez entubado’ que publicou o El País da Espanha na primera página: http://www.youtube.com/watch?v=DB4bIH0GsYU …”, continuou o ministro.

Em artigo escrito paraOpera Mundi, o articulista francês Salim Lamrani lembrou que, desde a chegada de Chávez ao poder, oEl País adotou “uma linha editorial muito crítica em relação à Venezuela”.

De acordo com informações de membros do governo venezuelano e de chefes de Estado próximos a Chávez, o presidente está se recuperando da quarta cirurgia a que foi submetido em 11 de dezembro do ano passado. Informes divulgados recentemente pelo vice-presidente Nicolás Maduro e pelo ministro da Comunicação — únicos funcionários autorizados a informarem sobre a saúde do presidente — dão conta da melhora do líder venezuelano.

Segundo o presidente da Bolívia, Evo Morales, Chávez já estaria fazendo fisioterapia. A informação não foi negada ou confirmada pelas autoridades venezuelanas. Evo esteve presente em cerimônia dia 10 de janeiro em Caracas, data prevista na Constituição venezuelana para a posse do presidente. Um dia antes, o Tribunal Superior de Justiça (TSJ) aprovou que o ato fosse postergado e também a continuidade do Executivo liderado pelo vice-presidente.

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *