Arquivo da categoria: Estadual

Ministério da Saúde deve enviar técnicos a Maceió para avaliar situação de prédio

742

O subsecretário de Administração do Ministério da Saúde, José Damaceno se comprometeu, em reunião realizada na última quarta-feira (28) a enviar técnicos de engenharia a Maceió para avaliar a situação estrutural do prédio-sede do MS, localizado na Praça dos Palmares.

A reunião, que aconteceu em Brasília, com a presença do presidente do SINDPREV-AL, Cícero Lourenço, também serviu para o Ministério da Saúde se comprometa em firmar um Termo de Compromisso com o Ministério Público e a Justça, no sentido de garantir a reforma do imóvel e o pleno funcionamento dos setores que estão atualmente sem condições devido a interdição.

Inicialmente, na reunião, José Damaceno alegou que a reforma seria muito cara, mas o presidente do SINDPREV-AL, Cícero Lourenço lembrou que ficaria ainda mais caro para o Ministério se fossem alugados outros imóveis para a tranferência dos setores. José Damaceno entendeu a problemática e chamou o Chefe do Núcleo do MS em Alagoas, Wellington Diniz para participar da reunião e informar que, caso tenha um laudo técnico confirmando que a estrutura do prédio não oferece risco de desabamento, o Ministério da Saúde firma o compromisso de reforma para solucionar o problema. Além disso, o SINDPREV-AL também propôs que outros setores do MS que atualmente estão em imóveis alugados sejam levados para o prédio para diminuir o custo em Alagoas.

Lourenço já encaminhou ofício à SMCCU de Maceió para que fosse apresentado o laudo técnico realizado no imóvel. Lourenço disse ainda que o ministro da Saúde, Alexandre Padilha deve entrar em contato com o ministro da Previdência, Garibaldi Alves para que o imóvel seja cedido ao MS e a reforma seja concretizada.

Presidente do SINDPREV é recebido pelo Ministro da Saúde

louro

Na última terça-feira (27.03), o presidente do SINDPREV-AL, Cícero Lourenço, os diretores Abdias, Moisés, Luciano, Maria Moura, Cida, Rosângela e Marlene, juntamente com uma Comissão de Servidores aproveitaram a participação do Ministro da Saúde Alexandre Padilha em um evento no Teatro Gustavo Leite, no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso e conseguiram ser recebidos em audiência.

Na oportunidade de lançamento do programa federal Crack: É Possível Vencer, entregaram ofício do SINDPREV-AL onde solicitam que sejam liberados recursos emergenciais para a reforma do Edifício sede do Núcleo de Representação do Ministério da Saúde em Alagoas. O Edifício Palmares situado no centro de Maceió foi interditado na última quinta-feira (22.03), por força de uma determinação da Justiça Federal.

Cícero Lourenço informou ao Ministro que o prédio existe há mais de 30 anos e se for submetido à uma reforma poderá abrigar outros órgãos federais no Estado, possibilitando a centralização dos serviços e uma boa economia de recursos, já que eles deixariam de pagar aluguel.

Segundo Lourenço, o Edifício Ary Pitombo que havia sido disponibilizado pelo INSS e onde funciona uma Agência da Previdência Social e a Dataprev, também não reúne as condições de segurança para receber os servidores do Ministério da Saúde que foram desalojados, pois naquele edificio há vários problemas que já foram apontados pelo SINDPREV-AL e confirmados por Laudo do Corpo de Bombeiro e da Defesa Civil.

Um outro problema apontado ao Ministro pelo sindicalista foi a preocupação dos servidores quanto à postura adotada pelo Ministério da Saúde no Estado, que chegou a anunciar a intenção de mudar os cerca de 200 servidores para a sede da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) que, segundo o dirigente não tem espaço suficiente e adequado para abrigar a todos os setores.

Ao fim da audiência, o Ministro Alexandre Padilha agendou com o Sindicato, uma nova reunião na tarde desta quarta-feira (28) em Brasília, onde essa questão será debatida com sua assessoria.

Texto e foto: Ronaldo Alcantara – direto de Brasília.

SINDPREV encaminha ofício ao Ministro da Saúde sobre prédio do MS-Palmares

O SINDPREV encaminhou ontem ofício ao Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, solicitando imediato envio de verba emergencial para resolver o problema do prédio-sede do MS na Praça dos Palmares. Veja abaixo ofício:

 

EXCELENTISSIMO SENHOR MINISTRO DA SAÚDE

DD. ALEXANDRE PADILHA

 

 

 

O SINDPREV\AL – entidade sindical de 1° grau , representante legal dos servidores federais da saúde no Estado de Alagoas, vem, por sua Diretoria expressar e levar à sua alta apreciação uma reivindicação dos servidores lotados no prédio do Ministério da Saúde em Alagoas, que, por conta de Ação Civil Pública foram despejados. A Ação Civil Pública da lavra do MPU – Ministério Público da União intenta afastar possíveis vítimas humanas diante da situação de instabilidade estrutural e de inahabitabilidade do prédio localizado na praça dos Palmares, Centro de Maceió. Neste momento os servidores estão pasmando “na rua”, isto é, sem local de funcionamento dos serviços do MS. Situação de calamidade, em face da imprescindibilidade dos serviços do MS para o Estado de Alagoas.

O SINDPRE\AL já enviou diversos expedientes ao MS cobrando providências, tanto à gestão local quanto à sede do MS. A questão se arrasta, mesmo com todo o esforço da gestão local em encaminhar a documentação.

Diante de todo o exposto, solicitamos sejam reservados recursos emergenciais para a reativação do prédio Edifício Palmares, pelos valores históricos, arquitetônicos e culturais, bem como para a população alagoana.

Bem como os servidores possam, provisoriamente, ser alocados em um mesmo local para que os trabalhos não sofram descontinuidade.

Em anexo juntamos fotos e documentos.

Maceió(AL), 27 de março de 2012

 

 

Cícero Lourenço da Silva

Presidente

Sindprev exige que governo federal libere verba para reforma do prédio do Ministério da Saúde (Praça dos Palmares)

Preocupado com a atual indefinição quanto a reforma do prédio-sede do Ministério da Saúde (Praça dos Palmares), o Sindprev já encaminhou diversos ofícios ao governo federal exigindo uma solução emergencial para o caso.

Segundo o presidente do sindicato, Cícero Lourenço, cabe ao governo federal enviar os recursos necessários para uma reforma completa no imóvel, já que no mercado imobiliário de Maceió não existem prédios disponíveis para alojar todos os setores do Ministério da Saúde, que atualmente funcionam no prédio da Praça dos Palmares.

“Além do pessoal do Ministério da Saúde, existem outros órgãos federais que também utilizam o espaço. Exigimos uma solução definitiva para o caso, sob pena de muitos serviços atualmente realizados pelo Ministério da Saúde em Alagoas correrem o risco de paralisação devido a falta de espaço para o trabalho”, afirmou Lourenço.

Cícero Loureço disse ainda que o sindicato deve estar indo a Brasília nos próximos dias para pressionar os gestores federais no sentido de uma solução urgente para o caso. “Vamos fazer o que for necessário para que os serviços não sejam interrompidos, nem os servidores fiquem desalojados devido à determinação judicial de interdição do imóvel. Queremos melhores condições de trabalho urgentemente”, disse.

Página 176 de 176« Primeira...102030...172173174175176