Sindicato realiza reunião na Seplag para tratar da suspensão da GPF, Data-base e efetivação da reserva técnica

Os diretores do SINDPREV-AL, Ivanildo Marques (Jurídico) e Olga Chagas (Comunicação) estiveram reunidos nesta terça-feira (22) com o Secretário Especial de Patrimônio, Sérgio Figueirêdo e com a Chefe de Gabinete da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (SEPLAG), Emmanuelle Nogueira para tratar sobre a possibilidade de suspensão da Gratificação de Produtividade de Função (GPF), bem como sobre a Data-base (reajuste salarial) e a efetivação da chamada reserva técnica da UNCISAL.
Sobre a possível suspensão GPF, o Secretário Sérgio Figueirêdo disse que não tinha conhecimento e que, por se tratar de uma gratificação paga fora da folha, a SEPLAG não tem governabilidade. Na reunião, o diretor Ivanildo Marques lembrou que existe um acordo firmado com o governo anterior que garante a incorporação de 50% do valor da gratificação nos salários e os outros 50% sendo incorporados a partir de ganhos reais.

DATA-BASE
Com relação a Data-base e reajuste salarial, os representantes da SEPLAG alegaram que a política do governo do Estado é de conceder reajuste de forma geral para todos os servidores. Como a SEPLAG é peça importante na negociação salarial, o diretor Ivanildo Marques deu a sugestão que fosse realizada uma reunião do Governo com o SINDPREV-AL e demais sindicatos representativos do funcionalismo, com a participação da CUT para tratar do assunto de forma oficial.

RESERVA TÉCNICA
Ao tratar sobre a efetivação da chamada Reserva Técnica, o Secretário disse que o processo de lotação genérica continua tramitando na SEPLAG, mas que será necessário uma reunião entre o governador Renan Filho e o Reitor da UNCISAL, professor Henrique de Oliveira para que a situação seja definida.

CONTRATAÇÃO IRREGULAR
Na reunião os diretores Olga Chagas e Ivanildo Marques questionaram os representantes da SEPLAG sobre contratações na Secretaria de Saúde sem o devido processo seletivo. A Chefe de Gabinete, Emmanuelle Nogueira alegou que esse tipo de contratação é feita diretamente pela SESAU. Assim, ficou acertado que o SINDPREV-AL deve encaminhar ofício à SESAU marcando reunião para tratar do assunto.
HOSPITAL IB GATTO
Com relação ao caso de uma servidora do Hospital Ib Gatto que está recebendo valor da Insalubridade menor, a Chefe de Gabinete garantiu que encaminharia o caso através de um pedido de reconsideração.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *