Entidades da sociedade civil organizada pedem suspensão de campanha enganosa do governo

Entidades da sociedade civil (Cobap, Mosap, Auditoria Cidadã da Dívida, Anfip) e cidadãos entraram com ação popular com pedido de suspensão liminar da propaganda veiculada pelo Governo Federal, intitulada “Previdência. Reformar para garantir o amanhã”.

A campanha política se utiliza de recursos públicos para induzir a opinião pública a apoiar a proposta de Reforma da Previdência e Assistência Social, com base em argumentos contestáveis e muitos deles mentirosos.

A PEC 287, que trata da reforma da previdência avança no Congresso. De forma atropelada e sem discussão já foi aprovada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mesmo contrariando estudos e relatórios de especialistas.

O secretário da Previdência Social da Presidência da República já se reuniu mais de 20 vezes com bancos e empresas de investimentos em previdência complementar. Está claro qual é o projeto de país que o governo que implantar. Menos direitos e garantias e mais regalias e recursos públicos para bancos e corporações financeiras.

Não vamos pagar essa conta!
#naoapec287 #naoareformadaprevidencia

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *