Entidades de trabalhadores da área de enfermagem realizam marcha em Brasília no próximo dia 9

Ato pela aprovação das 30 horas de trabalho semanais conta com a participação da CNTSS /CUT

 

Escrito por: Assessoria Imprensa CNTSS/CUT.

 05/04/2013

A CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social participa da organização da “Marcha por 30 horas”, que acontece na próxima terça-feira, 09 de abril, em Brasília. Promovida pelo “Fórum Nacional 30 horas Já”, a manifestação reunirá os trabalhadores dos setores público, privado e filantrópico com a finalidade de cobrar a votação e aprovação do Projeto de Lei nº 2295/00, que garante, entre outros direitos, a jornada de 30 horas de trabalho semanais para os enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem.

A diminuição da jornada de trabalho destes profissionais vem sendo discutida pela CNTSS junto aos seus Sindicatos e Federações filiados desde a década de 1990. O resultado é que muitos avanços foram conquistados por meio da mobilização dos trabalhadores, o que permitiu, inclusive, a formação do “Fórum 30 horas Já”, com representações nacional e estaduais. Outro ponto fundamental é que estas discussões levaram a elaboração do PL nº 2295/00,  conhecido como PL das 30 horas.

De acordo com Maria Aparecida Faria, presidenta da CNTSS, a Marcha é uma forma de chamar a atenção da sociedade e dos parlamentares para a votação e aprovação deste importante projeto.  “Garantir a diminuição das jornadas de trabalho destes profissionais é uma questão colocada pela própria OIT – Organização Internacional do Trabalho (órgão vinculado a ONU – Organização as Nações Unidas). O argumento, para tanto, está na melhoria das condições de trabalho e, consequentemente, a qualificação do atendimento prestado aos pacientes. Muitos países já adotam tal medida”, afirma a presidenta.

Com o tema “Mobiliza Enfermagem”, a Marcha terá início com uma concentração, a partir das 8h00, em frente à Catedral de Brasília, e seguirá pela Esplanada dos Ministérios rumo ao Congresso Nacional, onde acontecerá o ato político. Também esta prevista uma manifestação em frente ao Ministério da Saúde. A previsão é que cerca de 20 mil trabalhadores, vindos de todos os Estados, participem desta grande caminhada. O Fórum do Estado de São Paulo levará doze ônibus para Brasília.

Para o diretor da CNTSS/CUT e representante da entidade para a coordenação da Marcha, Ademir Portilho, a manifestação marca mais uma etapa de luta para a conquista da redução da jornada de trabalho para os profissionais de enfermagem. “A Confederação sempre levantou essa bandeira e tenho certeza que seremos vitoriosos a partir da mobilização dos trabalhadores. Estaremos lá mais uma vez apresentando esta reivindicação. Nosso ponto de encontro será às 8h00 em frente à Catedral. Esperamos uma grande participação”, ressalta.

Além da CNTSS, a iniciativa conta com a coordenação do Conselho Federal de Enfermagem – COFEN, Associação Brasileira de Enfermagem – ABEN, Associação Nacional dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem – ANATEN, Executiva Nacional dos Estudantes de Enfermagem – ENEENF, Confederação Nacional dos Trabalhadores da Saúde – CNTS. Todas as entidades são formadoras do “Fórum Nacional 30 horas Já”. Os coordenadores indicam que o trabalhador procure seu sindicato para obter informações e participar da Marcha.

Segue abaixo texto enviado em 05 de abril pelo “Fórum Nacional 30 horas já: enfermagem unida por um único objetivo” com as últimas orientações para os Estados sobre a Marcha de 09 de abril, em Brasília.

 

MOBILIZA ENFERMAGEM

ORIENTAÇÕES AOS ESTADOS

1.    As caravanas dos estados devem se programar para chegar em Brasília dia 09.04 às 8:00 horas;

2.    A concentração será ao lado da catedral e em seguida seguiremos em direção a praça das bandeiras, passando pelo ministério da saúde;

3.    Cada ônibus deve ter um responsável. este tem que tomar o cuidado de ter o telefone celular do motorista do ônibus que está sob sua responsabilidade e dos responsáveis e motoristas dos demais ônibus do estado, para caso ocorrer qualquer eventualidade, se comunicar e um ajudar o outro.

4.    Cada ônibus deve ter a lista com nome e rg das pessoas que estarão nele, sendo que esta deve ser passada com antecedência as agências contratadas para que comuniquem a polícia rodoviária para autorização;

5.    As pessoas que se comprometerem a ir para o ato não poderão trocar nome, nem faltar, pois não poderão ser substituídos;

6.    Orientamos a deixar para colocar a camiseta do fórum em Brasília;

7.    Os Estados devem informar a quantidade de ônibus, data e horário  de saída, bem como lista da delegação constando nome  e RG até o dia 05.04 para o email draelianesantos@hotmail.com;

8.    O Fórum Nacional 30h Já não distribuirá camisetas.

9.    Fica a cargo do Fórum Estadual ou Organizações a confecção e distribuição das camisetas, sendo que devem usar a logo oficial do Fórum Nacional na parte da Frente das Camisetas, podendo colocar o logo das Organizações Estaduais nas costas da camiseta;

10.  Fica sob responsabilidade do Estado o transporte, fornecimento de  alimentação, água e estrutura para  a Caravana;

11.  Orientar os participantes que é um ato para mobilizar os Deputados para colocar o PL 2295/00 em pauta da ordem do dia que já está em regime de Urgência. Não haverá votação neste dia, mas está dependo da mobilização do dia 09.04;

12.  Orientar os trabalhadores que nem todos conseguiram entrar no auditório para a audiência, mas ficarão assistindo por telões e mobilizados do lado de fora da câmara, com o objetivo de fazer barulho e chamar a atenção dos deputados;

13.  Na esplanada haverá ambulâncias para suporte aos Participantes;

14.  Teremos 04 tendas para distribuição de água durante o ato e caminhada;

15.  As entidades que quiserem fazer uso da palavra no trio-elétrico devem encaminhar o nome da entidade e nome do dirigente que irá falar  até o dia 04.04 para o email do Fórum c/c paradraelianesantos@hotmail.com;

16.  Fica claro que a entidade de não encaminhar o nome não terá fala no trio;

17.  Só permanecerão em cima do trio a Coordenação Geral, os Organizadores e os Deputados, portanto cada representante que falar deverá descer do trio após a sua fala;

18.  Após o ato seguiremos em passeata até o auditório Nereu Ramos para a audiência pública na Câmara Federal

19.  Solicitamos que os participantes com falas na audiência demonstrem que a categoria está mobilizada e que se não for atendida tomaremos medidas mais drásticas como Paralisações nos Estados.

20.  Importante levar apitos, foguetes, tarjas pretas para amarrar no braço, faixas identificando o Estado.

21.  Levar bonés para proteção do sol, protetor solar e capas de chuva (prevenir), pois o tempo está imprevisível em Brasília.

22.  Cada Estado deverá levar rojões (12 tiros) para serem estourados durante o ato.

23.  Cada caravana deverá levar uma bandeira de seu Estado para demonstrar nossa Organização Nacional.

24.  A DIRETORIA DO FÓRUM NACIONAL 30H JÁ TEM O PRAZER DE PROMOVER E ORGANIZAR ESSE MOVIMENTO CONTANDO COM O APOIO DE TODOS OS TRABALHADORES DA ENFERMAGEM BRASILEIRA.

25.  COREN DF, SINDICATOS , ABEN/DF devem convocar os enfermeiros, técnicos, auxiliares e estudantes de enfermagem, além dos anjos da enfermagem para Participar do Mobiliza Enfermagem.

26.  JUNTOS E ORGANIZADOS SOMOS FORTES!!!!

 

Boa Sorte a todos Nós!!!

Matéria retirada do Site CNTSS.

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *