Médicos suspendem atendimento a planos no dia 25

Médicos em todo o País vão suspender o atendimento a pacientes com plano de saúde no próximo dia 25, quando será organizado o Dia Nacional de Alerta aos Planos de Saúde. A mobilização ocorre pelo terceiro ano consecutivo e conta com o apoio do Conselho Federal de Medicina (CFM), da Associação Médica Brasileira (AMB) e da Federação Nacional dos Médicos (Fenam).

 

Na data, estão previstos protestos em diversos estados contra o que a categoria chama de abusos praticados pelas operadoras na relação com médicos e com pacientes.

O formato dos atos públicos (caminhadas, concentrações etc.) será definido em assembléias organizadas pelas comissões estaduais, compostos pelas associações médicas, conselhos regionais, sindicatos e sociedades estaduais de especialidades.

Contratualização
Entre os itens reivindicados pela categoria estão o reajuste de consultas e de procedimentos e o apoio ao PL 6.964/10, que trata da contratualização e da periodicidade de reajuste dos honorários pagos aos médicos.

A categoria cobra ainda uma resposta da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) sobre as propostas de cláusulas obrigatórias a serem inseridas nos contratos entre médicos e planos de saúde, apresentadas pelos médicos em abril do ano passado.

“Em caso de suspensão temporária de atendimentos eletivos, os pacientes serão atendidos em nova data, que será informada. O protesto não atinge os casos de urgência e emergência. Para eles, o atendimento está assegurado”, informou o CFM, por meio de nota.

 

Matéria retirada do site DIAP.

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *