Secretariado da CNTSS orienta seus sindicatos a participarem do calendário de lutas dos servidores federais

Secretariado da CNTSS se reuniram entre os dia 21 e 22 de maio em São Paulo e entre as deliberações esteve a pauta de lutas dos servidores federais.

Aos Sindicatos Filiados,

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social-CNTSS/CUT, através do seu Secretariado, vem pelo presente informar aos sindicatos estaduais que a nossa Confederação Nacional participa do Fórum de Entidades dos Servidores Federais, em função de que tal organização é coordenada pela Central Única dos Trabalhadores-CUT representada pelo companheiro Pedro Armengol e pela Companheira Lúcia Reis.

É importante salientar que organização em questão não guarda nenhuma semelhança com a CNESF.

Outra questão que temos que destacar é que a insensibilidade do Governo em atender as reivindicações dos servidores levou o movimento a organizar a calendário de luta que estará acontecendo na primeira semana do mês de junho(calendário abaixo).

A unidade do movimento dos servidores federais, não pressupõe abandonar a pauta específica da categoria, mas tem como pressuposto a busca de uma política permanente de recuperação dos salários dos servidores, e que cada setor do funcionalismo manterá a sua pauta específica, o  que em nosso caso já vem ocorrendo com a negociação na Mesa de Negociação do Ministério da Saúde que culminou com a assinatura da Proposta de Estrutura Remuneratória por parte do Ministro da Saúde Alexandre Padilha, e pelo Grupo de Trabalho instalado do INSS.

Logo o Secretariado da CNTSS/CUT orienta a todos os sindicatos que participem das atividades do calendário de luta abaixo, bem como, realizem assembléias estaduais para deliberarem sobre a adesão ou não do movimento de greve que vem sendo construído pelo conjunto das entidades do funcionalismo público federal.

 

Calendário de Luta dos Servidores Federais

Dia 23 de maio a 01 de junho- Período de realização de Assembléias nos Estados para decidir sobre o indicativo de greve;

 Dia 30 de Maio- Data limite para que o Governo se posicione sobre a pauta apresentada para o Fórum;

 Dia 02 de junho– Data Limite para o retorno da informação por parte das entidades estaduais sobre o indicativo de greve dos Servidores Federais;

  Dia 05 de junho– Marcha Nacional dos Servidores Públicos Federais à Brasília com caravanas enviadas pelas entidades dos servidores federais;

 Dia 05 de Junho– Plenária Nacional do Fórum das Entidades dos Servidores Públicos Federais em Brasília-DF.

Secretariado da Confederação dos Trabalhadores em Seguridade Social da CUT-CNTSS/CUT

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *