Sindicatos querem greve geral contra reforma da Previdência

Dirigentes das principais centrais sindicais do Brasil, em reunião na segunda (17) em São Paulo, decidiram organizar uma greve geral no país em repúdio ao projeto de reforma da Previdência; decisão foi aprovada por unanimidade; sindicalistas voltam a se reunir em breve para decidir data da paralisação

Dirigentes das principais centrais sindicais do Brasil, em reunião na noite de segunda (17) em São Paulo, decidiram organizar uma greve geral no país em repúdio ao projeto de reforma da Previdência, informa a coluna Painel da Folha de S.Paulo.

“Com a presença do deputado Paulinho da Força (SD-SP), um dos articuladores do impeachment, o ato foi aprovado por unanimidade. Os sindicalistas voltam a se reunir nesta quarta (19), na sede da CUT, para definir a data da paralisação.”

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *