12 de novembro: DIA NACIONAL DE LUTA PELO FIM DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

fator

Prezados/as Companheiros/as,

Conforme orientação da CUT Nacional para mobilização nos estados, pelo Fim do Fator Previdenciário, e de acordo com a deliberação da executiva da CUT Alagoas do dia 06de novembro, convocamos todas as entidades filiadas para um Ato Público que acontecerá no próximo dia 12 de novembro (terça-feira), na Praça dos Palmares, em frente à sede do INSS Ari Pitombo, a partir das 09 horas.

As centrais sindicais apresentaram uma proposta para substituição do fator, com a adoção da fórmula 85/95, pela qual seria necessária a junção de dois parâmetros para a aposentadoria com benefício integral: a soma da idade e do tempo de serviço deve ser igual a 85 para mulheres e 95 para homens – elas precisariam ter no mínimo 30 anos de recolhimento, e eles, 35.

No dia 12, com a pressão em todos os estados, a classe trabalhadora reivindica que o governo apresente uma proposta alternativa para ser apreciada, porque esse foi o compromisso assumido. Precisamos fazer pressão para que o governo federal reabra as discussões.

Diante da importância dessa luta para toda a classe trabalhadora, convocamos todos/as dirigentes sindicais para se fazerem presentes no referido ato, bem como, solicitamos que cada entidade confeccionem faixas sobre o tema e levem suas bandeiras.

 

DIA NACIONAL DE LUTA PELO FIM DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

“O BRASIL CONTRA O FATOR”

DATA: 12/11/2013 (TERÇA-FEIRA)

HORA: 09:00

LOCAL: PRAÇA DOS PALMARES EM FRENTE À SEDE DO INSS ARI PITOMBO

Print Friendly

3 comentários

  • Espero que agora as centrais sindicais corrijam o erro fatal que cometeram em 2010, quando não aceitaram a proposta 85/95, pois na ocasião o presidente lula aceitava, e exatamente por causa da rejeição das centrais à proposta 85/95 em 2010, é que hoje sofremos com este miserável fator. apesar de a fórmula 85/95 não ser a ideal, todavia ameniza o sofrimento dos já sofridos aposentados no brasil.

  • não entendo vocês, criar um dia especifico para se revindicar a extinção do FATOR PREVIDENCIARIO, é o maximo, caramba, o projeto que ja foi aprovados anos passado é de autoria do PAULO PAIM / PT, ele juntamente com o Dep. Federal Arnaldo Farias de Sá, vem se esguelando contra esta formula, e vocês com criadores do PT, estão fazendo oque? já trabalhei muito na militancia do PT, hoje quero distancia desta corja, tenho saudades dos tempos que a CUT, MOBILIZAVA E PARAVA O PAÍS, e pena da CUT que hoje esta submissa ao PT, ao meu ver a CUT tem o dever e a obrigação de conseguir esta façanha de impor a derrubada do FATOR, isso daria mais credibilidade a propria CUT, não esperem que outro sindicato tome a frente, tenham mais atitude e menos reuniões e bla bla blas,
    vocês tem força para cobrar do LULA, uma retratação dele junto aos trabalhadores deste país e não apenas do ABCD, ele fez a caca de vetar a extinção do FATOR então ele por intermedio da DILMA tem a obrigação de acabar de vez com esta palhaçada que tanto ele criticou quando adversario do FHC, cobrem e se torne novamente a CUT dos anos 70, voltem as suas raizez e façam algo de concreto para os trabalhadores.

  • Sr Dirigentes da CUT, a proposta 85/95 é como o fator previdenciário, trabalhamos em um País onde o empregado com idade acima de 40 anos tem dificuldade de encontrar emprego, não temos instabilidade do emprego. E é justamente por isso que temos que assegurar aposentadoria integral. Os trabalhadores não quer a aplicação do fator previdenciário bem como a formula 85/95. Essa CUT esta representado o mesmo papel do Governo. Fora Sra Presidente Dilma, não ao PT.
    Nascimento Maciel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *