Dia 30 de Agosto é dia de Luta contra a terceirização e implementação das gratificações no serviço público

pl

Paralisação e caminhada em Maceió, saindo da Praça Centenário às 14:00 horas

O SINDPREV-AL convoca todos (as) trabalhadores (as) do serviço público (Federal, Estadual e Municipal) para cruzarem os braços no dia 30 de Agosto/2013, como demonstração de força da classe trabalhadora contra o famigerado Projeto de Lei 4330, que implementa a terceirização (contratação sem concurso público), além de precarizar as relações de trabalho em todas as atividades. A paralisação acontece em todo o País e tem a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e a CNTSS como principais organizadoras das manifestações.
Não podemos deixar que este projeto venha a prejudicar a luta pela incorporação das gratificações de desempenho, que dificulta a aposentadoria no INSS, MINISTÉRIO DA SAÚDE e SRTE. No Estado e municípios o PL 4330 escraviza seus trabalhadores/as. O Projeto de Lei 4330 de autoria do deputado Sandro Mabel do PMDB de Goiás que regulamenta a terceirização de serviços no Brasil é a mais grave ameaça aos direitos trabalhistas, desde a ditadura militar.
Estudos do Dieese apontam que o trabalhador terceirizado recebe salário 27% menor que o contratado diretamente, tem jornada semanal de três horas a mais, permanece 2,6 anos a menos no emprego, e sua rotatividade é mais do que o dobro (44,9% contra 22%). Além disso, aponta o Dieese, a cada 10 acidentes de trabalho, oito acontecem entre os terceirizados.
Temos que dar uma resposta ao Governo Federal, que tem tido nos últimos tempos uma insensibilidade com os servidores/as em atender nossas reivindicações. Precisamos cobrar do governo Dilma sua intervenção no sentido que o Congresso não aprove este Projeto de Lei que só atende os interesses do grande capital.

pl

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *