Em defesa da Previdência Pública e de qualidade: um patrimônio dos trabalhadores

Os servidores do INSS trabalham sob intensa pressão, pois não têm as devidas condições de trabalho, nem a valorização que merecem por prestarem tão relevantes serviços aos trabalhadores, reconhecendo direitos dos segurados da Previdência Social.

Todos que exercerem suas atribuições prestaram concurso público e lutam todos os dias para atender os mais de 33 milhões de aposentados e os outros milhões que procuram atendimento dos serviços prestados pelo INSS.

Com o desmonte da Previdência Social como uma das primeiras medidas do temporário presidente Michel Temer, o mesmo colocou em risco não somente o atendimento à população, como também criou incertezas sobre o futuro da Instituição que foi sumariamente desmontada. Hoje ninguém tem certeza se poderá continuar a prestar bons serviços à população. Os servidores não estão com o moral baixo, mas sim indignados com tantos ataques aos serviços públicos feitos por um governo sem legitimidade.

Não é verdade esta cantilena que o envelhecimento populacional está provocando déficit nas contas da Previdência. É necessário sim que o novo presidente do INSS, Leonardo Gadelha, que não é funcionário do quadro, se inteire definitivamente, assim como o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, sobre a contabilizada da Previdência, que tem seus cofres todos os anos subtraídos e sangrados em 25% da DRU, podendo chegar a 30% se aprovada a proposta no Senado. Então a questão aqui é outra: quais interesses estão por trás desta campanha inverídica e difamatória.

Os trabalhadores esperam que o governo temporário cumpra todos os acordos assinados com a categoria, implante programas de valorização profissional, realize concurso para repor as 15 mil vagas a serem preenchidas e implante o Plano de Carreira. Este é o caminho para que esta categoria valorosa, lutadora e corajosa, olhe o futuro com altivez e esperança. Vamos lutar sem tréguas para barrar a contrarreforma da Previdência deste governo.

 

Exigimos a Previdência de volta! Ela é patrimônio dos trabalhadore

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *