Novo prédio da APS Monte Máquinas é fruto da luta por melhores condições de trabalho e de atendimento no INSS

Durante longos anos SINDPREV-AL, servidores e população reivindicaram mudanças

Fotos: Ricardo Paiva

ronaldo ronaldo2 ronaldo3 ronaldo4

A luta por melhores condições de trabalho no serviço público, particularmente no INSS remonta anos atrás, quando o SINDPREV-AL fez a primeira denúncia na imprensa sobre a realidade vivida pelos bravos servidores da APS Monte Máquinas que, apesar da adversidade, continuaram trabalhando em meio a um verdadeiro caos.
Inúmeras denúncias foram feitas até então. Atualmente, depois dessa intensa pressão, o governo federal resolveu atender as reivindicações e alojar a APS Monte Máquinas em outro local.
Sabemos que ainda não estamos vivendo os melhores dos mundos, mas em relação ao que presenciávamos em tempos passados, foi um avanço.
Veja nas páginas a seguir a história dessa saga, onde trabalhadores e trabalhadoras do INSS brigaram para ter melhores condições de trabalho e, consequentemente, um melhor atendimento.

A união entre Sindicato e servidores foi fundamental para conquistar novo prédio

mobilização 2015 monte maquinas mobilização 2015 monte máquinas mobilização 2015 monte máquinas3

A intensa mobilização realizada pelo Sindicato durante esses últimos anos começa a dar frutos. Recentemente, o governo anunciou a instalação da APS Monte Máquinas na Avenida Durval de Góes Monteiro, 4995, em frente a passarela que dá acesso ao bairro de Santo Amaro.
Quem passa pelo local não imagina a luta que foi para que isso acontecesse. Mas, para não deixar de registrar, o SINDPREV-AL rememora essa verdadeira ‘odisséia grega’ que trabalhadores do INSS e população fizeram para mudar de local.
Isso aconteceu após inúmeras denúncias, mobilizações, manifestações e pressão de servidores e usuários ao longo dos anos, cujas ações foram intensificadas a partir de 2013.
O antigo prédio da APS Monte Máquinas não oferecia praticamente nenhuma condição de trabalho, prejudicando servidores e usuários, que estavam sujeitos a vários problemas estruturais e até mesmo sanitários e hidráulicos.
Vale lembrar que os servidores trabalhavam sob forte  mau cheiro de rato podre,  fossa estourada, péssimas instalações, além de um calor praticamente insuportável.
Nesse processo de mobilização foram realizas paralisações pontuais, manifestações em frente ao prédio, reuniões com a direção local do INSS, bem como em Brasília. Ou seja, se não fosse essa intensa pressão local e nacional, dificilmente haveria uma mudança no prédio.
Portanto, o Sindicato e os servidores do INSS da APS Monte Máquinas estão de parabéns pela luta e pela vitória conquistada através de forte união da categoria.

Pressão em Alagoas e em Brasília

mobilização 2014 monte máquinas

Nos últimos anos audiências e reuniões foram realizadas tanto em Alagoas como em Brasília com o claro objetivo de fazer com que o governo e seus representantes tomassem consciência da gravidade do problema.
Relatórios, ofícios e outros instrumentos burocráticos foram encaminhados na pressão por uma solução que beneficiasse servidores e população.
Assim, a mobilização esteve presente até mesmo durante a greve de 2015, quando melhores condições de trabalho era um dos pontos de reivindicação.

Antiga APS Monte Máquinas não oferecia as mínimas condições para atendimento

predio monte máquinas predio monte maquinas2 predio monte maquinas3 predio monte maquinas4 predio monte maquinas5

 

Em 2015 o SINDPREV-AL preparou uma espécie de dossiê, onde mostrava, através de fotos a real situação do prédio da antiga APS Monte Máquinas, localizada no Centro de Maceió.
A estrutura estava totalmente deteriorada, com o sistema hidráulico prejudicado, causando forte mau cheiro, além de inúmeros outros problemas. Até mesmo animais mortos foram encontrados.
Estas denúncias foram amplamente divulgadas na imprensa e internamente, quando os gestores tomaram conhecimento da real precariedade do local, que não oferecia as mínimas condições.
Após essa série de denuncias, finalmente, ficou comprovado a real situação, quando servidores decidiram paralisar as atividades, por absoluta falta de condições para o atendimento.

Denúncias na imprensa alagoana foram fundamentais para garantir melhores condições de trabalho no INSS

materias materias2 materias3 materias4 materias5 materias6 materias7

A imprensa alagoana teve papel importante para que os trabalhadores da APS Monte Máquinas e o público em geral pudessem, finalmente, ter outro local para o atendimento.
Praticamente durante mais de cinco anos o SINDPREV-AL, através dos seus diretores, denunciaram as precárias condições para o atendimento no local.
Inúmeras mobilizações foram realizadas, sempre como o objetivo de chamar a atenção para o problema e fazer com que os gestores responsáveis pudessem agir, dando uma solução.
Nesse aspecto os veículos de comunicação, notadamente as emissoras de televisão, rádio, internet e jornais cobriram fortemente as mobilizações realizadas, transformando as reivindicações da categoria em algo que pudesse ser ouvido no Estado e também em     Brasília.
Esse foi um trabalho memorável da nossa imprensa, realizando seu trabalho de mostrar as mazelas e exigir dos governantes uma solução, afinal, o povo estava sofrendo com o atendimento ruim.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *