Presidente da CUT Nacional discute a reestruturação do CRPS e JRPS em evento da CNTSS/CUT.

Encontro realizado em Brasília reúne mais de 50 trabalhadores e lideranças sindicais para tratar sobre as Juntas de Recursos da Previdência Social
Escrito por: Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT
prev5

Exposição do servidor Irineu Messias, dirigente do SINDSPREV/PE

cutprev prev2 prev3 prev4

O presidente da CUT Nacional – Central Única dos Trabalhadores, Vagner Freitas, participou na manhã desta quinta-feira, 26/03, da mesa de abertura do Encontro Nacional dos Servidores das Juntas de Recursos da Previdência Social. Promovido pela CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social, em parceria com a ANASPS, Associação Nacional de Recursos da Previdência e Seguridade Social, o evento reúne lideranças sindicais e trabalhadores de vários estados brasileiros num total de mais de 50 participantes.

Alagoas está participando desse importante momento com dois representantes: Cícero Martins dos Santos, servidor da 26a JRPS/AL, escolhido por seus para representá-los nesse I Encontro Nacional dos Servidores do CRPS e das JRPS, e Ronaldo Augusto de Alcantara, servidor do INSS, indicado para representar o SINDPREV/AL.

Esse colóquio é histórico pois é o primeiro a ser realizado em 75 anos de existência do CRPS!

A realização é uma parceria da CNTSS/CUT e ANASPS, com o apoio da CONTAG.

Vagner Freitas foi enfático em seu depoimento ao destacar a importância do tema Previdência Social para a classe trabalhadora e para a CUT. Para ele, a Central está consciente que este tema esteja na ordem do dia da luta dos trabalhadores. Acredita que este debate realizado no âmbito da CNTSS/CUT deve também ser levado para dentro da CUT para que possa ampliar esta discussão e para que os trabalhadores possam saber no que as Juntas de Recursos podem auxiliá-los na questão da Previdência Social.

“É verdade que temos que melhorar o atual sistema previdenciário de nosso país. Mas também é preciso dizer que em muitas partes do mundo não existe nem um modelo como o nosso. E os trabalhadores podem e devem fazer as críticas necessárias porque o nosso modelo foi construído por eles. Isto é diferente da direita que faz as críticas visando a privatização do sistema. O Sistema Previdenciário é importante e deve ser estendido a todo trabalhador e toda trabalhadora,” destaca Freitas.

Sandro Cezar, presidente da CNTSS/CUT, que também esteve na mesa de abertura do Encontro, demonstrou preocupação com a falta de valorização dos trabalhadores e das Juntas de Recursos. “Nós vemos que tanto as Juntas como os servidores que trabalham nela estão esquecidos. Hoje ocorre até diferenças salariais e de tratamento entre os servidores da Junta de Recursos e do Ministério da Previdência Social. Este nosso encontro deve discutir isto e propor alternativas para que estas situações sejam resolvidas,” afirma o presidente da Confederação.

Juntas de Recursos

As Juntas são espaços presentes nos diversos Estados que julgam matérias de benefícios da Previdência em primeira instância. Estão presentes dentro da Estrutura do Ministério da Previdência Social sob a responsabilidade do CRPS – Conselho de Recursos da Previdência Social e funcionam como um “tribunal administrativo” que deve mediar os litígios entre os segurados e o INSS – Instituto Nacional do Seguro Social.

O Encontro

Os trabalhos referentes ao Encontro Nacional dos Servidores das Juntas de Recursos da Previdência Social terão continuidade na tarde desta quinta-feira, 26, com a realização do Painel  a “Reestruturação dos Conselhos e a questão funcional dos servidores”. Participam deste debate o presidente da CRPS, Carlos Alexandre de Castro Mendonça; Alexandre Barreto Lisboa, presidente da ANASPS; e Alberto Hercílio Broch, presidente da Contag. Os trabalhos serão mediados por Irineu Messias, do Sindiprev PE.

O segundo dia do evento, sexta-feira, 27, será destinado aos trabalhos em grupos. Os participantes deverão discutir sobre a elaboração da Plataforma de reestruturação das Juntas na concepção dos servidores. No período da tarde deverá acontecer a avaliação das propostas e definido os encaminhamentos propostos pelos participantes.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *