Servidores voltam a denunciar péssimas condições de trabalho no PAM Salgadinho

Mais uma vez, servidores/as do PAM Salgadinho voltam a protestar contra o que consideram péssimas condições de trabalho no local. Desta vez, praticamente todos os setores foram paralisados, diante da falta de perspectiva por parte da Prefeitura de Maceió em resolver os problemas.

Veja fotos:

pam pam2 pam3 pam4

IMG_3714 IMG_3715 IMG_3716 IMG_3717 IMG_3718 IMG_3719 IMG_3720 IMG_3721 IMG_3722 IMG_3725

Leia texto de um panfleto distribuído durante a manifestação:

Há vários anos que o SINDPREV-AL vem denunciando as precárias condições de trabalho e de atendimento no PAM Salgadinho – O maior posto de Saúde de Alagoas. Agora, como não sobrou praticamente nenhuma alternativa, já que os gestores municipais simplesmente se negam a encontrar uma saída, resolvemos paralisar as atividades, como forma de pressão para uma solução definitiva dos problemas.
Atualmente, praticamente todos os setores estão com problema, inclusive com a maioria simplesmente não funcionando. A estrutura do prédio é preocupante. As condições de trabalho são caóticas. Enfim, chegamos praticamente ao fundo do poço em relação ao atendimento no PAM Salgadinho.
Queremos que os governos municipal, estadual e federal encontrem, com urgência, uma saída, já que estamos vivendo no caos completo.
Queremos trabalhar, mas não estão nos dando as condições mínimas para isso. Vamos continuar lutando em prol de um serviço público de qualidade, onde trabalhadores e usuários possam usufruir do Sistema Único de Saúde com dignidade, como o povo alagoano merece ser atendido.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *