Arquivo da categoria: Jurídico

Não se deixe enganar por golpes ou falsas promessas em ações judiciais

perigo

O SINDPREV-AL alerta a toda a categoria, principalmente os aposentados, a ter cuidado com quadrilhas que possuem os dados funcionais dos servidores e enviam notificações falsas, muitas inclusive com timbres da Justiça, comunicando o recebimento de precatórios de ações que nunca existiram.

Tanto os telefones como os endereços fornecidos pelas quadrilhas são falsos. Caso o servidor entre em contato, haverá uma pessoa que atenderá ao telefone fazendo-se passar por funcionário da Justiça.

O servidor que receber notificação judicial deve, em primeiro lugar, conferir a veracidade do documento e jamais realizar depósito antecipado ao recebimento de qualquer ação, pois as custas processuais são descontadas após o pagamento.

O SINDPREV-AL orienta que, caso tenha sofrido essa tentativa de golpe, registre um Boletim de Ocorrência na Delegacia mais próxima de sua casa.

Ingresso ou execuções

O SINDPREV-AL já alertou, algumas associações ou escritórios têm entrado em contato com os servidores oferecendo ingresso ou execução de ações já ganhas pelo SINDPREV-AL. Para convencer o servidor, fazem falsas promessas de redução do prazo para recebimento.

Caso o servidor assine essa documentação, sem desistir da ação do SINDPREV-AL, o juiz poderá entender que se trata de litigância de má fé, determinando punição ao servidor.

Outro ponto importante é o de que se o servidor ingressar hoje uma ação já existente no SINDPREV-AL, ela retroagirá apenas cinco anos.

O SINDPREV-AL recomenda que os servidores fiquem atentos para não serem ludibriados por “entidades representativas” que só estão interessadas em tirar dinheiro dos trabalhadores. Qualquer dúvida entre em contato com o Sindicato ou com sua Delegacia Regional.

Deputado se compromete em intermediar negociação com o governo do Estado para pagamento da Insalubridade/periculosidade nas férias e em licença

estado (2)

O deputado estadual Ronaldo Medeiros (PMDB) – líder do governo – recebeu nesta segunda-feira (22) com a direção do SINDPREV-AL, onde se comprometeu em intermediar uma negociação com a Procuradoria Geral do Estado (PGE), Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (SEPLAG) e com o próprio governador Renan Filho (PMDB), no sentido de encontrar uma solução para que os servidores recebam o adicional de Insalubridade/periculosidade durante o período de férias e em licença médica para todos os servidores da Saúde estadual. A medida deve beneficiar trabalhadores lotados em todos os órgãos da Saúde do Estado.

Estiveram na reunião os diretores do SINDPREV-AL: Celio dos Santos, Ivanildo Marques, Lourivalda Lima e Olga Chagas. Participaram ainda Isangela e Mayara, representando os servidores da Uncisal. A reunião teve também a presença da advogada Maria Betânia Nunes, Assessora Jurídica do SINDPREV-AL.

Negociar é preciso

O SINDPREV entende que o momento exige uma constante e precisa negociação, buscando garantir o direito legítimo dos trabalhadores em receber o Adicional de Insalubridade, mesmo durante as férias e em licença médica.

Nosso sindicato vem procurando todos os meios possíveis para abrir um canal de negociação no sentido de equacionar estes impasses, pois entende que férias e licença médica são efetivos exercícios, conforme prevê a Lei do Adicional de Insalubridade. Nesse sentido, o SINDPREV tem encaminhado aos órgãos estaduais competentes argumentações favoráveis aos trabalhadores da Saúde. Sabemos que a luta ainda está no começo, mas temos certeza da vitória.

estado estado2 estado3 estado4 estado5 estado6estado

Audiência Pública no Senado denuncia desmonte da Reabilitação Profissional e Serviço Social no INSS

paim3

Audiência Pública realizada na Comissão de Direitos Humanos do Senado nesta segunda-feira (22) discute o desmonte da Previdência Social no Brasil e também do INSS, particularmente dos setores de Reabilitação Profissional e Serviço Social. Alagoas está representada pelo diretor do SINDPREV-AL, George Rolim e a Assistente Social Cristina Dias. A audiência foi presidida pelo senador Paulo Paim (PT-RS).
Os representantes dos trabalhadores estão apresentando uma visão oposta a do governo, mostrando que a tal “Reforma da Previdência” já está bem adiantada no INSS, pois com a implementação do desmonte da Reabilitação Profissional e do Serviço Social estão impedindo o acesso aos direitos previdenciários.

A principal denúncia é que este ataque contra a classe trabalhadora é imposto pelo capital financeiro (bancos e operadoras de previdência privada), o que pode ser o maior retrocesso do século XX.

Clique aqui e veja Assistentes sociais do INSS gritando #foratemer ao vivo no Jornal Hoje, após sair da audiência que discutia Pericia Médica do INSS.

Alagoas está representada pelo diretor do SINDPREV-AL, George Rolim e a Assistente Social Cristina Dias.

Alagoas está representada pelo diretor do SINDPREV-AL, George Rolim e a Assistente Social Cristina Dias.

paim paim2 paim3 paim4

Confirmado: Servidores da Saúde estadual receberão Adicional de Insalubridade nos meses de maio e junho/2017

seplag3

A Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (SEPLAG) confirmou nesta terça-feira que até o mês de junho todos os servidores da Saúde estadual que têm direito ao Adicional de Insalubridade serão contemplados. A informação foi repassada pela assessoria da SEPLAG em uma reunião onde o Sindprev-AL esteve representado pelos diretores: Ivan Marques, Lorivalda Lima e  Olga Chagas. Uma comissão de servidores da Uncisal, formada pelos companheiros/as Maiara, Isangela e Érico também participou da reunião.

Segundo a assessoria da SEPLAG, 80 servidores já foram contemplados e que os outros 180 serão distribuídos em dois grupos de 90 servidores. Portanto, 90 servidores recebem em maio e outros 90 em junho/2017. O critério adotado foi a ordem do tempo de solicitação por parte do servidor.

Diante desta vitória coletiva, o SINPREV-AL enaltece o sentido de união que permeou a categoria neste últimos meses, possibilitando resultados positivos. Nosso Sindicato, legítimo representante da categoria, irá continuar lutando em defesa dos direitos dos trabalhadores/as da Saúde.

seplag seplag2 seplag3 seplag4 seplag5 seplag6

 

INSS suspende por 30 dias desconto nas paralisações realizadas em 2017; negociação será feita pelas entidades sindicais

Em reunião com sindicalistas, o Diretor de Gestão de Pessoas, Thiago Vesely, informa que sobrestará (não ir por diante; parar, cessar; interromper até nova ordem ou determinação; suspender, sustar) o desconto por 30 dias. As entidades representativas da categoria devem utilizar este período para negociar as datas de paralisações.

Tendo em vista pontos pendentes e urgentes sem solução política por parte do governo, foi marcada nova reunião para o dia 29 de maio, às 14h, com a presença do presidente do INSS, Leonardo Gadelha, demais membros da direção do instituto e o Secretário Executivo do MDSA, Alberto Beltrame.

fenasps2

Página 5 de 35« Primeira...34567...102030...Última »