Câmara mantém vetos à LDO

Acordo entre vereadores derruba parte das emendas

 

23/08/2013

 

Por: DA REDAÇÃO COM GAZETAWEB

 

Sob vaias de estudantes que pedem urgência na apreciação do projeto de lei denominado Passe Livre, o prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), não enfrentou nenhuma dificuldade para garantir a manutenção dos vetos do Executivo às 67 emendas parlamentares aditivas e modificativas, apresentadas pelos vereadores e destinadas à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2014. Um acordo intermediado pelo líder do tucano na Câmara Municipal, vereador Eduardo Canuto (PV), arrefeceu os ânimos com a promessa de que, na discussão da Lei Orçamentária Anual (LOA) – para o exercício financeiro de 2014 –, as emendas serão, em parte, atendidas.

De acordo com Canuto, a lei orçamentária versa sobre o teto e as metas que cada secretaria municipal devem, em tese, atingir anualmente. Contudo, ele destaca que a receita de Maceió é oriunda, em sua maioria, de recursos federais, ‘de modo que, para evitar problemas, as diretrizes devem ser respeitas’.

“Na apreciação da LOA, vamos discutir e planejar a execução orçamentária das emendas. Hoje, com o cenário financeiro atual, a manutenção dos vetos é o melhor caminho para se tocar o município da melhor forma possível”, afirmou.

Reprodução Gazeta de Alagoas.
Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *