Maceió terá centro funcionando 24 horas para atender usuários de drogas

Insulina e Diazepam são itens da lista; direção critica falta de resposta da Prefeitura de Maceió

25/02/2013 09h29

Jonathas Maresia e Jobison Barros

 

Pacientes do posto de saúde municipal Roland Simon, situado no Vergel do Lago, sofrem com a falta de remédios desde a última quarta-feira (20). A direção da unidade informou que a Prefeitura já foi informada sobre a carência, mas, até o momento, não se posicionou. 
Em entrevista ao portal Gazetaweb, o farmacêutico Edson Geraldo informou que é grande a quantidade de medicamentos em falta, dentre eles, Insulina (hormônio responsável pela redução da taxa de glicose no sangue) e Diazepam (tranquilizante que serve para tratamento de transtornos de ansiedade). “São remédios essenciais e a procura é sempre constante. Desde a semana passada que o posto passa por este problema, apesar da carência de Insulina ser um problema nacional”.

O diretor da unidade, Tito Alencar, admitiu a ausência dos medicamentos ao frisar que o pedido fora feito à Prefeitura de Maceió, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS); porém, nenhuma resposta. “Na quarta, mesmo, fiz o pedido e não obtive nenhum resultado. Aqui temos todos os profissionais, mas reconhecemos as dificuldades e trabalhamos para amenizar o sofrimento de inúmeros pacientes”.

Ainda conforme o gestor do posto, não é a primeira vez que a unidade convive com esse problema e o bairro do Vergel do Lago depende, basicamente, do posto municipal.

A reportagem busca contato com a Secretaria Municipal de Saúde.

Matéria retirada do Portal Gazeta Web.

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *