Servidores de Maceió decidem hoje sobre greve

19 de Fevereiro de 2013 • 08h21

Uma assembleia, que será realizada hoje no Clube Fênix Alagoano, pode acarretar com uma greve dos servidores públicos de Maceió, que lutam por reajuste salarial. Durante o encontro, os servidores irão discutir a contraposta de reajuste que a prefeitura apresentou ontem à Comissão de Negociação.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana (Sindspref), Sidney Lopes, a prefeitura alega que não tem condições de dar nenhum tipo de aumento salarial aos servidores, argumentando que encontrou as finanças do município com um rombo de 450 milhões de reais.

O sindicato explica ainda que prefeitura ofereceu o percentual do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que representa 5,78%, referente à inflação de 2012. Este percentual já está assegurado pelo prefeito anterior, quando fez a negociação salarial em anos anteriores. “Não se tira direitos e sim se amplia. Portanto iremos levar a proposta para a assembléia que vai decidir o que fazer”, argumentou o sindicalista.

O Movimento Unificado dos Servidores vai levar a contraproposta, mas tudo indica que a categoria deverá decretar um indicativo de greve sob o argumento de que os servidores têm uma defasagem salarial em torno de 5% de anos anteriores. A opinião também é da maioria dos sindicalistas que fazem parte do Movimento Unificado.

Decreto

“Se a Prefeitura está com rombo nas finanças não foram os servidores que fizeram isso, portanto a nova equipe tem que respeitar os servidores”, destacou o sindicalista Sidney Lopes, argumentando que os servidores estão revoltados pela forma como foram atingidos pelo Decreto 7.480 que determina que todos os servidores voltem para as suas secretarias de origem. Essa decisão causou vários transtornos aos servidores e será um dos temas discutidos na assembleia.

Assessoria Mais.al

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *