Servidores municipais de Santana do Mundaú voltam à greve para garantir direitos

Como não houve avanço nas negociações e como forma de manter a pressão, os servidores municipais da Saúde e Assistência Social de Santana do Mundaú decidiram deflagrar greve. A decisão da categoria aconteceu durante uma Assembleia Geral. Os servidores haviam suspendido a greve no dia 6 de janeiro/2017, pois a gestão tinha acenado com uma negociação, apresentando uma proposta concreta, o que não aconteceu.

Como forma de garantir a criação da carreira unificada da Saúde e o cumprimento de direitos trabalhistas como Adicional de Isalubridade e melhores condições de trabalho, os servidores resolveram retomar a greve, agora com ainda mais força.

mundau2mundau

 

 

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *